Puros & Vinhos

terça-feira, novembro 21, 2006

TOP 100 DA WINE SPECTATOR 2006

Damos os parabens aos produtores portugueses inseridos nesta lista, são eles:

18ºQuinta do Vale Meão Douro 2004 97 pontos
47º Quinta do Crasto Douro Reserva vinhas velhas 2004 93 pontos
69º Churchill States Douro 2004 90 pontos
97º Altano Reserva 2003 Touriga Franca/Touriga Nacional 91 Pontos

Temos que reparar que nenhum destes vinhos é vinho do Porto, e sim vinho de mesa. Outra coisa é que são todos do Douro.
Os Vintage 2004 quase todos são single Quinta, não chegou á excelência de 2003.

Deixo o link para quem quiser consultar.

http://www.winespectator.com/Wine/Images/Graphics/Top100/2006/Top100-2006.pdf

13 Comments:

Blogger PAULO SOUSA said...

É uma pena a W S não provar outros vinhos,de outras regiões...Sei lá Alentejo,Dão,Estremadura,etc,etc

3:05 da tarde  
Anonymous Chalana said...

Como é definida a pontuação, segundo vi bem o 4º(91) tem mais pontos q o 3º(90)?

Segundo consta o criterio da distribuição fisica também conta, portanto, Alentejo, Dão e Estremadura como diz o nosso confrade P. Sousa têm muito por onde crescer...

5:14 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

O preço do vinho também conta,sr Chalana.

9:21 da manhã  
Anonymous Chalana said...

Quais é q são os critérios? Têm todos o mesmo peso em termos de pontuação?

11:25 da manhã  
Blogger PAULO SOUSA said...

Manda o mail para a WS para saberes quais os critérios.

1:16 da tarde  
Anonymous Chalana said...

Aqui ficam os criterios para os bloggers:

In 2006, we reviewed nearly 13,500 wines from around the world in blind tastings. Nearly 3,000 of them earned outstanding ratings (90 points or higher on our 100-point scale). We then narrowed the list down based on four criteria: quality (represented by score); value (reflected by release price); availability (measured by case production or cases imported); and an X-factor we call excitement. But no equation determines the final selections: These choices reflect our editors' judgment and enthusiasm about the wines we tasted.

Thirteen countries are represented in our 2006 list, making this the most diverse group in the history of the Top 100, which debuted in 1988. The average score of the group is 93 points, while the average price is $49. We hope our selections stimulate discussion, and lead people to a deeper engagement with the world of wine.

3:59 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

Quem procura sempre alcança...

4:13 da tarde  
Blogger Presidente said...

Um dos critérios mais importantes deve ser a quantidade de produção, e por isso é que não aparecem os vinhos chamados "virtuais" do Douro. A sua produção ronda as 3000 garrafas o que é manifestamente pouco.

4:42 da tarde  
Anonymous mário joão said...

Isto está a tornar-se muito profissional......

6:24 da tarde  
Anonymous Pedro Sousa(P.T.) said...

Concordo com o Mário João!

6:46 da tarde  
Anonymous antonio chaparro said...

Fonix....sim Senhor......Altíssimo Nível

3:45 da tarde  
Anonymous mário joão said...

Vale Meão.... ganda vinho !
Aaaaaaltissssimo nível !!!!!

4:11 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

Vale Meão 2004 já mora na minha garrafeira.

12:26 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

<