Puros & Vinhos

segunda-feira, outubro 06, 2008

VINHOS PROVADOS NA FEIRA DE OUTUBRO 2008 VFX

Quinta de Sant’Ana Sauvignon Blanc 2007 (Estremadura) - Mostra cor amarelo palha muito clara, aromas primários de fruta exótica, manga, papaia. Leves notas vegetais, um pouco de espargos e erva verde.
Acidez fina, estaladiço, algo vegetal, defende-se bem na boca, mesmo que esteja muito uni dimensional. Usa e abusa da fórmula espargo silvestre, não deixando espaço livre para que outros componentes sejam sentidos no palato. É um vinho muito agradável, alegre, leve e bem-disposto, mas demasiado simples, directo e previsível, para poder aspirar a outros voos. Ainda assim é uma boa aposta, uma aposta que tem todas as condições para ser bem sucedida.

Nota Pessoal: 16

Grau:14º

Uvas: Sauvignon Blanc

Preço:17€


Casa de Santa Vitória Touriga Nacional 2006 (Alentejo)Mais um vinho de cor escura, um púrpura intenso que agrada à vista. Fruta, fruta, e mais fruta. Fruta doce, muito madura, compota, geleia, fruta quase decadente de doçura, muita ameixa, amora, ginga, cassis, uma orgia sensual de fruta madura. Para temperar este festival de doçura, temos um travo de menta e pimenta preta que lhe conseguem transmitir alguma frescura.
Para quem espera um tinto pesadão, aveludado e gordo, desenganem-se, o vinho consegue manter uma frescura inesperada, uma alegria contagiante que o alegra na boca. Taninos perfeitamente domados, acidez generosa. Não esperem milagres, não temos aqui um vinho extraordinário ou para meditar, apenas um tinto muito agradável de beber e de empatia imediata. Um festival de fruta bem explícita mas bem-educada que irá alegrar uma larga fatia de consumidores!


Nota Pes

soal: 16,50

Grau:14º

Uvas: 90% Touriga Nacional 10% Alicante Bouschet

Preço:14,5€


Mouras de Arraiolos Reserva 2005 (Alentejo) - Fruto preto, muito fruto preto a marcar o nariz. A complexidade é completada com aromas a resina e, eucalipto. Na boca, o vinho é encorpado, fresco e concentrado a fruto preto. A carga tanínica, envolvida no fruto preto, cria um final de boca médio/ longo, com persistência ligeiramente amarga, a fazer lembrar chocolate. A força deste vinho é também evidente na persistência aromática e de sabores prolongados no palato médio. Um vinho muito bem feito e consensual. Um vinho com uma boa RQP.


Nota Pessoal:16

Grau:14

Uvas: Syrah

Preço:8,45€


170º Aniversário da Companhia das Lezírias 2005 (Ribatejo) - Cor vermelha muito ligeira para este vinho Ribatejano, uma cor leve e pouco densa. Nariz clássico do Cabernet, boa fruta, ameixas, groselha preta e passas.

Pimento e pimenta na boca, amora, boa acidez, taninos suaves, percebe-se o perfil tradicional deste vinho, está um vinho apetecível, relativamente elegante, bem feito.



Nota Pessoal: 15

Grau: 13.5º

Uvas: Alicante Bouschet, Touriga Nacional e Cabernet Sauvignon

Preço:15€


Dehesa Gago 2006 (Toro/Espanha) - Um tinto com grande pendor frutado - morango, framboesa e amora, sugerindo nuances compotadas. Bem como pontas caramelizadas que ganham expressão com a maior exposição ao ar. Medianamente encorpado, entra macio. Boa persistência aromática, desconcertada, com uma acentuada doçura a contrastar com a adstringência e o carácter secante da estrutura de taninos. Moderno no estilo, um Telmo Rodríguez de combate, com preço a condizer, capaz de recolher o aplauso junto de muitos consumidores, no qual eu me incluo.


Nota Pessoal:16

Grau:15º

Uvas: Tempranilo

Preço: 10€


purosevinhos@gmail.com

3 Comments:

Blogger Chalana said...

Foi no Sevilhão?

Apenas me venderam traçados em pets de 1,5L.....

Temperatura adequada mas os copos afectaram o equilibrio.

EHEHEHEHEHEHE

5:06 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

O vinho branco vinha muito bem referenciado,mas...
Muito bom o Touriga da Casa Santa Vitória...
E excelente relação qualidade /preço para o Mouras...
E já agora nota 17 para o Churchill`s de 1997...Muito bom Vintage

9:52 da tarde  
Blogger Mario Joao said...

Provei o branco e não diria que estavamos na presença dum Sauvignon Blanc. Nem de perto nem de longe!
E já só tive tempo para provar um clássico : Ruinard Blanc des Blancs!
Agradeço o convite ao Luis e à Carla mas compromissos inadiáveis não me permitiram ficar o resto da noite !
E porque falamos na feira de Outubro deixo uma questão : menos de meia praça na corrida de Sábado ? Numa terra "dita" de aficionados ??? Tenham paciência...

10:58 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

<