Puros & Vinhos

quarta-feira, março 18, 2009

Quinta das Tecedeiras Reserva 2005

Quinta das Tecedeiras Reserva 2005/Tinto/Douro/14,5º

Não é fácil escrever sobre vinho, muito menos sobre um vinho de que me habituei a gostar, desde o primeiro dia em que o provei.

A Quinta é propriedade da Dão Sul e fica situada na margem sul do rio Douro. O seu nome deriva da cultura do linho e a sua flor, aparece representada no rótulo da referida garrafa.

É um buraco negro,se visto por cima, não é muito exuberante de aromas, mas conseguem encontrar-se, fruta doce (compotas), cereja, ameixa e ginja.

Na boca é um misto de elegância e potência, com taninos muito, muito finos, complexo, com as notas aromáticas, a sobressaírem também na boca, acompanhadas do chocolate e da ameixa, nota-se também um tomilho…tudo muito bem envolvido e com a sensação de que o vinho no copo se vai alterando a cada minuto que passa.

Tem um corpo médio+, em anos anteriores já foi mais encorpado, e um final longo, mas não longuíssimo.

Em resumo é um vinho que me deu um imenso prazer a beber, foi acompanhado com uma Lasanha á Bolonhesa, que só a minha mulher sabe fazer.

Um vinho que estagiou dez meses em barricas de Carvalho Francês e que custou 13€, na loja da Quinta do Encontro (propriedade da Dão Sul), situada na Anadia.

Classificação 17,5 valores

Paulo Sousa

purosevinhos@gmail.com

8 Comments:

Anonymous Rogério said...

Caro PS excelente prosa, e excelente graxa à esposa. Fiquei na dúvida se o tomilho se deve ao aroma do vinho se do aroma da Bolonhesa.

2:06 da tarde  
Anonymous Antonio Amaro said...

Boa tarde Sr. Paulo Sousa

Apenas dois comentários:
i)Qual é a classificação que deu ao último Quanta Terra que bebeu?
ii) Com todo o respeito pelo prato. Resultou bem a "maridagem" do prato com o vinho?

Quanto ao resto pareceu-me um bom momento de prosa. Assim já fica com o lugar de Vice cada vez mais garantido...

Abraços

4:21 da tarde  
Blogger Presidente said...

Está lançado o novo modelo de introdução de nnotas de prova, a partir de hoje quem tiver bebido algum vinho interessante que valha a pena fazer uma crónica envie a nota de prova e a respectiva classificação, para que eu insira no blog.

O Paulo Sousa foi o primeiro esperemos pelos próximos.

O unico Tecedeiras que tinha provado foi o reserva 2003 em 2006 que estava em grande forma, potente, carnudo mas um pouco desiquilibrado.

Penso que posso responder pelo Paulo Sousa quanto a nota que ele deu ao Quanta Terra Grande reserva 2006: 17,5.

4:50 da tarde  
Blogger Presidente said...

Estão comprados 6 garrafas de Two hands Lilly's Garden 2005 que me vão custar:221,94£=236,60€/6=39,43€/gar

Estão adjudicadas 4: Mario,male,sousa,luis

Quem quiser alguma das outras 2 diga alguma coisa.

4:56 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

Boa noite,caros puristas,

Sr Málé dei 17,5 e vinte euros pelo Quanta Terra.
Em relação á maridagem,é um dos pratos,na minha modesta opinão,que resulta muitissimo bem com um vinho tinto com algum corpo.

10:00 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

Boa noite Sr Rogério,

a minha(da minha mulher)lasanha,não leva tomilho...

10:02 da tarde  
Blogger Chalana said...

Caro PS,

Este fds mais um Purista, o Bernardo, degustamos as nossas botijas de Tecedeiras em pleno Algarve, e apresentou-se em todo o seu esplendor.

De facto aromaticamente n é extravagante mas tem uma boca fabulosa.

Nota Pessoal : 18 Val

PS . N "maridou" com uma lasanha mas sim com carnes grelhadas.

11:49 da manhã  
Blogger PAULO SOUSA said...

Temperadas com Tomilho...

10:19 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

<