Puros & Vinhos

segunda-feira, abril 13, 2009

MARIDAGEM QUASE PERFEITA

Esta é uma sugestão de união, que não é para meninas, no sentido frágil do termos, é antes para homens e mulheres bravos que apreciem sensações fortes, contrastantes mas complementarmente perfeitas.

Pelo tom inicial da prosa, já se deve perceber que à mistura havia vinho de boa qualidade, e em boa quantidade...

A verdade é que muito me agrada, esta maridagem, que só agora descrevo, embora, seja a segunda vez que os junto...

Talvez por isso, agora estou agora mais certo de que não se tratou apenas de uma impressão de primeiro contacto.

Estou a falar de um encontro breve e finito, daqueles que sabemos só irá durar uma noite, ou mais concretamente neste caso, durará o tempo de beber uma garrafa de Valle Pradinhos Branco 2007 e mais meia-hora.

O cromossoma Y desta união de facto, é o mais improvável...

No unico curso de prova de vinhos que fiz, ainda me lembro de quando se falava de comidas (ou comedias, em linguagem de pescador) que não casavam bem com qualquer tipo de vinho, entre as saladas, frutas, ovos, também alguém referiu o caril, como sendo um prato de dificil maridagem com vinho.

Pois eu não concordo de todo. Este encontro romântico, que eu tenho tido a oportunidade de patrocinar, foi como certamente já perceberam entre um caril de camarão e uma garrafa de Valle Pradinho branco 2007.

Pese embora sendo "VINHO", é branco e muito floral e especiado, e porque garrafa é um género feminino, este é o ela deste encontro.

O "Outro" deste encontro, essa mistura, eu diria quase explosiva, que provoca subitas elevações de temperatura e calores internos, é o nosso caril.

Embora eu por temperamento, prefira coisas mais equilibradas, só tinha em casa de momento, o Sharwood's HOT Curry Powder – A taste of India.

Não sendo de todo um especialista de cozinha Indiana, acho este mistura particularmente feliz e de muito boa qualidade, quer nesta versão HOT quer na versão que mais aprecio o "Medium".

O caril que prefiro é o de gambas, e foi por isso que de manhã cedo, no mercado de Benfica, comprei camarões frescos, daqueles que têm sempre uma bolsa cor de laranja bem visível no ínicio da cabeça.

A confecção do meu caril depende muito do que tenho disponível.

Sharwood's Curry Powder, Hot ou Medium.

Gambas, de preferência frescas.

Leite de coco.

Gengibre, maçã, lima, limão laranja, papaia ( esta última combina quase sempre majestosamente bem com gambas).

Para aromatizar no final, caules de coentros cortados muito finamente e para quem goste pimenta rosa esmagada grosseiramente.

Às vezes uns saem melhores, outros mais leves, outros mais HOT HOT, mas enquanto não me acabar o stock,

- quando há caril há Valle Pradinhos branco 2007-.

Estou ao correr destas letras a terminar o que resta desta garrafa.

È fantastico que depois do caril, mistura forte intensa, aromática e persistente, uma generoso golo deste branco, deixa uma sensação quase perfeita.

Primeiro os seus aromas florais intensos e algum toque de especiaria, parecem complementar na perfeição a grande amplitude aromática das especiarias do caril. Depois como no meu caril existem sempre frutas e leite de coco, também esta outra dimensão aromática se une perfeitamente aos aromas deste vinho.

Por fim o corpo e sobretudo a acidez do vinho fazem rapidamente esquecer o sabor da ultima garfada, limpando o palato qual sorbet de tangerina ou limão.

Impõe-se por isso, uma nova gamba, envolta neste multiplicadade de especiarias e fruta, novo gole de Valle Pradinhos, e a boca e os sentidos de novo em êxtase com este complemento e mistura de sabores...

Eu diria que terminado o caril, só interessa mesmo ter a certeza que ainda sobra um ou dois copos deste Valle Pradinhos.

È que nesta fase pós caril, parece que, por sugestão ou não sei, ressaltam agora os aromas mais especiados deste vinho, que bebo e termino agora com um prazer imenso.

Ah! e recomendo que não vale a pena, nao devem mesmo lavar os dentes até uma hora depois de terem terminado a garrafa.

È mesmo crime, apagar os ainda vestígios de todo este festim de aromas, com um sabor mentolado artificial, que sinceramente não tem graça nenhuma.

Boas degustações...

António Amaro

13 Comments:

Blogger Presidente said...

Ainda não experimentei esta maridagem,mas conhecendo o vinho e o prato não custa perceber que a combinação possa ser perfeita, ou quase perfeita.

Penso que o Oceano "Ossian" também casaria bem com este prato. Um vinho poderoso, taninico e fresco.
Seria tipo Hot and Could.

6:07 da tarde  
Blogger PAULO SOUSA said...

O Oceano e o Vidigal...O caril é de certeza melhor que o do Stop...
Vou lançar uma pasta de dentes com sabor a vinho branco,que é o sonho de muita gente...
Sem ter exprimentado este casamento,para mim o caril era sempre com bejeca.
Um abraço

7:07 da tarde  
Anonymous Bernardo said...

Boa tarde a todos,

Essencialmente por motivos profissionais, tenho andado meio arredado destas lides mas já estou com saudades das nossas Provas à Quinta.

Para quando o próximo encontro?

Abraço

BM

6:09 da tarde  
Blogger Presidente said...

A próxima prova á quinta será dia 23/04 no café Puro ás 22H.

Se não for possível para alguns digam qq coisa.

10:36 da manhã  
Blogger Mario Joao said...

Só dia 23 ??? Isto está a ficar muito amaricado....
Por mim posso, nesse dia longínquo...

10:55 da manhã  
Blogger Presidente said...

Dia 23 e vá la, vá la....Ainda vai existir abandonos de alguns pesos pesados, e depois teremos que mudar a data novamente.

Estou a tentar preparar o jantar de tributo aos meus filhos que faço anualmente, que tal sábado dia 9 de Maio?

Os convites são para as seguintes confrades:
Sousa
Chaparro
Mario
Serra
Psi
Bernardo
Chalana
Mané
Lilaia
Malé
Rogério
David

Vou fazer no Club, as "Botles" são por minha conta.
Confirmem neste espaço a vossa disponibilidade.

5:45 da tarde  
Blogger Chalana said...

Caros confrades,

Dia 23 lá estarei...com as prometidas bombas!!!

Honrado e agradecido pelo convite do presidente para dia 09 Maio mas não poderei estar presente.

Saudações Puristas!!!

PS - Para quando as 10.000 visitas? Sugiro a abertura de um Ruinart p a prova imediatamente após o marco!!

6:52 da tarde  
Blogger Chalana said...

Tenho provado alguns nectares com direito a comentario, mas depois de ler e reler as vossas dissertações...uma pessoa perde logo a motivação....

A Reter:

-- Qta Nova Nossa Sr Carmo Touriga Nacional 2006 - 17 Valores

Belo exemplar de Touriga, violeta fechado com aromas pujantes a baunilha e chocolate, bela complexidade e persistente no final. A provar.

6:58 da tarde  
Blogger Mario Joao said...

Bom... já marquei para dia 23 e vou ver se levo uma bomba....que vai ser branca ou tinta... nacional ou estrangeira....logo se vê...
Para dia 9, meu caro Presidente, agradeço o amável convite e já marquei na agenda.... mais à frente confirmo pois ainda não sei se estarei cá ou no estrangeiro ( em trabalho )... Se estiver esatrei presente com todo o prazer !

12:31 da manhã  
Anonymous Rogerio said...

Caro Luís agradeço, o convite para o jantar de dia 9 de Maio e é com enorme prazer que o aceito.

3:38 da tarde  
Blogger Presidente said...

Na quinta feira levo as garrafas de Two hands 2005 para os confrades.

E para o Malé e Mário levo também a caixa de charutos com humidificador que encomendaram ao David.

10:58 da manhã  
Blogger Presidente said...

A prova de hoje ficou adiada para Terça Feira dia 28 ás 22h no café Puro.

2:43 da tarde  
Anonymous Antonio Amaro said...

Boa tarde

Estou mesmo a ver que na prova de ontem apertaram com o Presidente...
A estas horas e ainda sem crónica, é porque o desanimaram mesmo...

Abraços
A A

2:46 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

<